5 alimentos que não queimam gordura

Certamente você já deve ter ouvido falar de dietas como a dieta da toranja”, “a dieta do chá verde”, “a dieta de gorduras”, em fim, existem milhares de programas que prometem fazer você perder peso e medidas, graças aos alimentos que têm propriedades “queima de gordura”.

Pois bem, sinto desiludi-los mas não existem  alimentos que queimem a gordura. A única forma de perder é consumindo menos energia do que você gasta e fazendo exercício.

Aqui deixo 5 dietas ou alimentos que nos vendem como “queima de gordura” quando realmente não tem nenhuma propriedade que age sobre as gorduras do nosso corpo:

1. TORANJA

Diz-Se que a toranja, por suas propriedades ácidas, pode ajudar a queimar a gordura, mesmo existe a dieta da toranja, em que se come 1 peça de toranja nas três principais refeições, acompanhada de outros alimentos muito baixos em calorias.

Em si a toranja não tem nada que atue sobre os lipídios do corpo. É um diurético natural, que faz com que você elimine água extra que você pode estar retendo e isso pode lhe dar uma sensação de perda de peso. A dieta da toranja pode funcionar para perder peso, já que é uma dieta muito baixa em calorias, mas olho, o que você esta fazendo, perder peso não é a toranja, mas o baixo consumo de energia.

2. O CHÁ VERDE

Ao igual que com a toranja, o chá verde tem sido atribuída a propriedades de queima de gordura, e ainda tem muitas propriedades e substâncias boas para o organismo, também é apenas um diurético natural, que irá ajudá-lo a se sentir menos inchado.

O chá verde também é um ótimo antioxidante, o que significa que protege as células de doenças como o câncer. Assim que não tem nada de errado em tomar chá verde, ao contrário, é uma bebida muito saudável, mas se a sua ideia é levá-lo para queimar gordura vais ter uma grande decepção!

3. ÁGUA MORNA COM LIMÃO EM JEJUM

Muitas dietas recomendam começar o dia com uma xícara de água morna com suco de limão, prometendo que assim ativaras um sistema de queima de gordura durante todo o dia.

Isso é um grande mito. Tomar o “remédio caseiro” pode te ajudar a fortalecer o sistema imunológico, já que o limão contém vitamina C, também pode ser um aporte de fibra extra (também pela fibra do limão) que irá ajudá-lo a melhorar a sua digestão. Assim que, como o chá verde, não é que tenha nada de errado em adotar esse costume, mas não se estará ajudando a queimar gordura em si.

4. FIBRA

Outras dietas recomendam adotar hábitos como tomar um copo de água de aveia no período da manhã ou adicionar farelo ou linhaça nos alimentos, como ajuda para perder gordura.

Enquanto que a fibra é um excelente suplemento na dieta, e é a responsável pela nossa saúde gastrointestinal não queima gordura por si mesmo!

Em casos de colesterol alto, recomenda-se uma dieta alta em fibras, já que esta “pegar” a algumas das moléculas de colesterol, e não permite que sejam absorvidos no intestino, mas isso não quer dizer que se você comer gordura e, além disso, comer fibra, esta se encarrega de tirar as moléculas de gordura do seu corpo.

Tem uma dieta alta em fibras, mas por cuidar de sua saúde, em geral, não para queimar gordura.

5. DIETA DE GORDURAS OU PROTEÍNAS

Muitas dietas têm como primeiro objetivo a diminuir ou eliminar por completo o consumo de carboidratos (massas, arroz, farinhas, milho, pães) e, para compensar, fica uma dieta alta em proteína e gordura.

Estas dietas são típicas em que você não pode comer nem uma omelete, mas você pode comer enchidos, torresmos e cortes de carne, em quantidade livre.

O que essas dietas pretendem é que não ter carboidratos para produzir energia, o seu corpo tomará esta energia de suas reservas de gordura. Isto tem alguma verdade, já que é real, que sem carboidratos, seu corpo começa a metabolizar diferente, mas, geralmente, o que acontece é que também utiliza as proteínas do músculo fazendo perder massa muscular e pela elevada quantidade de proteínas há desidratação, o que te faz perder peso.

No final, não está perdendo gordura, mas você está comendo seu próprio músculo e se estas desidratando. Além de que o alto consumo de alimentos muito gordurosos prejudica a saúde cardiovascular.

Assim, para perder gordura começa por escolher uma dieta equilibrada e alimentos mais saudáveis como carnes magras, frutas, vegetais e cereais integrais, também reduz seus lotes e certifique-se de fazer exercício pelo menos 45 minutos, 3 vezes por semana, o exercício cardiovascular e em intervalos é o ideal para ir perdendo gorduras.