Alerta sobre a obesidade: tão grave como o Diabetes

Alerta sobre a obesidade: tão grave como o Diabetes

No México, a obesidade foi colocado a par de outras doenças como Diabetes, câncer e hipertensão.

Assim o dizem pesquisadores médicos do Instituto Mexicano do Seguro Social (IMSS) e o Colégio de Medicina Interna do México (CMIM), que pedem para que a população deve tomar consciência da gravidade do problema.

O do CMIM, Victor Hugo Córdova Pena, afirmou a importância da conscientização do problema, pois, diz, “é necessário mudar o software do paciente”, no sentido de que há que mudar a ideia de que, milagrosamente, se possa baixar de peso e entender que esse é um objetivo alcançável apenas com alimentação adequada e exercício físico.

Considera-Se que o excesso de peso como um dos principais fatores de risco para o desenvolvimento de perigosas doenças, como a Diabetes, o câncer e a hipertensão, pois o acúmulo de gordura na parte abdominal, que provoca alterações na produção normal de hormônios e fatores oncogénicos, sendo estes últimos os responsáveis por transformar células normais em malignas, causando câncer.

A obesidade lança números por que é considerado epidemia mundial: mil e 500 milhões de pessoas com excesso de peso e 500 milhões com obesidade em 2008 e estima-se que, até 2015, o número de excesso de peso igual a dois mil 300 milhões com excesso de peso e 700 milhões com obesidade.

O Colégio de Medicina Interna do México, proporcionará cursos de capacitação para educadores em saúde, de 19 de fevereiro a 12 de março e, posteriormente, dará cursos de orientação para a população em geral durante os fins-de-semana.