diabetes_tipo_2_controlada

Novo Nordisk lança novo tratamento para a Diabetes tipo 2

O objetivo primordial do tratamento para a Diabetes é controlar os níveis de glicose no sangue, que se elevam por um déficit de insulina, devido a que o pâncreas perde pouco a pouco a sua função. Jorge Aldrete, Médico certificado pelo Conselho Mexicano de Medicina Interna, esclarece que “através da investigação, agora sabemos que é exigido de outra substância, além da insulina, para manter os níveis de glicose no sangue controlados”. Esta substância recebe o nome de incretina.

O novo medicamento de Novo Nordisk, denominado Victoza, contém o hormônio incretínica, que é secretado pelas células L do intestino, em resposta à ingestão de alimentos. Verificou-Se que este hormônio aumenta a secreção de insulina pelas células beta do pâncreas, além de diminuir a produção de glucagon, cuja função é a de elevar os níveis de glicose, em contraposição ao efeito da insulina.

Para o Doutor Aldrete, esta descoberta é o marco significativo em uma nova forma de tratar a Diabetes do tipo 2 e também tem outras aplicações. “Este medicamento tem demonstrado controlar não só a glicose no sangue, mas também o peso e a pressão arterial mais eficazmente do que outras terapias de Diabetes, pois só funciona quando o corpo precisa, para contar com este tipo de fármacos é um grande avanço no tratamento deste transtorno, que no México têm entre 8 e 10 milhões de pessoas”.

Cabe lembrar que a maior parte dos pacientes com Diabetes tipo 2 tem excesso de peso ou obesidade, condições que dificultam o controle da glicose, o que se traduz no desenvolvimento de complicações. “O fato de que o novo medicamento de Novo Nordisk mantenha a calma e não apenas da glicose no sangue, mas o peso e a pressão arterial, resulta em um melhor controle do Diabetes”, conclui Aldrete.

O novo medicamento estará disponível a partir dos primeiros dias de 2011 e para a sua venda será necessária prescrição médica.