sintomas-da-andropausaSintomas da Andropausa

Todo mundo conhece a Menopausa (fase em que os ovários femininos deixam de produzir estrogênio e progesterona) que é uma fase temida por grande parte das mulheres devido a intensidade dos seus sintomas. Mas, você conhece os sintomas da Andropausa? Sabe do que se trata? O nome dessa fase pela qual os homens passam foi atribuído em referência a Menopausa, mas não são necessariamente paralelos entre o organismo masculino e feminino.

O Que é Andropausa?

Conforme o tempo passa a produção de testosterona (hormônio sexual masculino) cai, porém, mesmo estando menor ainda pode ser considerada dentro de uma faixa normal em grande parte dos casos. Podem acontecer mudanças físicas e emocionais nessa etapa da vida, porém, a intensidade e a sua manifestação dependem de quão brusca foi a queda de produção de testosterona. Uma pesquisa estima que cerca de 33% dos homens com mais de 60 anos de idade irão sofrer os efeitos da Andropausa. Embora os sintomas da Andropausa sejam menos intensos que os da Menopausa merecem ser conhecidos e levados em consideração.

Sintomas da Andropausa

A baixa produção de testosterona pode estar ligada a diferentes doenças então ao identificar os sintomas listados abaixo é importante consultar um médico para avaliar o seu estado de saúde.

Fadiga

A testosterona é um hormônio ligado a energia, quando a sua produção está baixa o indivíduo pode sentir que tem menos energia para realizar as atividades cotidianas.

Mudanças de Humor

Os hormônios têm diferentes funções em nosso organismo e a queda da produção de testosterona, que é um dos principais hormônios masculinos, pode gerar as alterações de humor tão ligadas ao universo feminino.

Diminuição da Libido e Disfunção Erétil

Certamente os sintomas mais difíceis de serem encarados por grande parte dos homens que são acometidos pela Andropausa. A testosterona é o hormônio sexual masculino e por isso mesmo se existe uma produção pequena dele é natural que o homem tenha menos desejo. Além da redução de desejo pode ocorrer o distúrbio sexual conhecido como disfunção erétil que á a dificuldade de ter ou manter ereção.

Redução de Massa Magra

A testosterona é considerada como o principal hormônio masculino por atribuir aos homens as características primárias e secundárias sexuais. Isso significa que esse hormônio é responsável pelo desenvolvimento de características como voz grossa, pelos pelo corpo e pelo desenvolvimento muscular. Tendo uma quantidade reduzida de testosterona muitos homens sofrem perda de massa magra e de definição em sua musculatura podendo ter o surgimento de gorduras localizadas.

Problemas Ósseos

Os ossos também são afetados com uma produção mais baixa de testosterona se tornando mais suscetíveis a fraturas e ao desenvolvimento de problemas como osteoporose.

Redução da Produção de Espermatozoides

Se a produção de testosterona é mais baixa consequentemente a quantidade de espermatozoides produzida é mais baixa podendo acarretar em quadros de infertilidade.

Riscos Para a Saúde

A Andropausa além de ser incômoda traz riscos bastante sérios para a vida dos homens que são acometidos por ela. Podemos destacar o aumento das possibilidades de desenvolvimento de doenças como diabetes tipo 2, hipertensão, colesterol alto e obesidade.

Diagnóstico da Andropausa

Basicamente a Andropausa se caracteriza pela produção baixa de testosterona tendo como fator de observação os níveis desse hormônio na corrente sanguínea do indivíduo. O médico solicita exames que permitem verificar a quantidade desse hormônio que está disponível na corrente sanguínea do indivíduo e não a quantidade total do hormônio.

Tratamento da Andropausa

Uma das opções de tratamento dos sintomas da Andropausa é a reposição hormonal, porém, não é recomendado para todos os pacientes assim como não deve ser visto como resgate da juventude perdida. O médico somente opta pela reposição hormonal ao detectar que realmente o paciente está passando pela Andropausa por meio de exames que verificam a queda de produção de testosterona.

São considerados fatores de impedimento da realização da reposição apneia do sono, risco de câncer de próstata e outros distúrbios que possam acarretar na multiplicação de células de forma anormal. Nos casos em que esse tratamento é realizado se mostra necessário manter o monitoramento por meio de exames. Esse tratamento além de ajudar a restaurar o bem-estar do homem que está passando pela Andropausa contribui para a prevenção de doenças como diabetes e hipertensão nesses indivíduos.

Alimentos Para Aumentar a Testosterona

como-aumentar-o-testosterona

A alimentação pode ser uma fonte de nutrientes que contribuem para o aumento da produção natural de testosterona. Obviamente apenas se alimentar bem não resolverá o problema por completa daqueles que estão enfrentando a Andropausa, mas pode ser uma maneira de ajudar a sua saúde. Ter uma alimentação equilibrada e rica em nutrientes não faz nenhum mal a saúde, não é mesmo?

Frutas

As frutas são opções interessantes para obter uma série de nutrientes, dê ênfase ao consumo de maçã e banana que contribui para o aumento de zinco no organismo (esse nutriente é fundamental para a síntese de testosterona).

Legumes e Verduras

Outras fontes essenciais de nutrientes, a dica é incluir no seu cardápio couve, brócolis e repolho para que os níveis de hormônios masculinos sejam elevados. Também ajudam a manter bons níveis de estrogênio (hormônio feminino) que contribui para o bom desenvolvimento de músculos e para evitar que gordura fique acumulada no corpo.

Carnes Magras

Proteínas são essenciais para que o organismo se mantenha saudável e possa ter uma produção mais elevada de testosterona. A dica é preferir carnes magras como peito de frango ou peixe grelhados. Se você tem uma quedinha por carne vermelha poderá optar por filé mignon, baby beef, fraldinha e outras que não tenham capa de gordura.

Feijão

Um alimento muito saudável que tem grande quantidade de ferro e zinco fortalecendo o organismo e tornando-o mais preparado para a produção de testosterona.

Alimentação Saudável e Atividade Física

É importante manter uma alimentação saudável e equilibrada, um estilo de vida saudável pode ajudar a minimizar os sintomas da Andropausa bem como a passar por essa etapa com mais tranquilidade. Atividade física também é essencial para que o corpo tenha mais estímulos para a produção do hormônio masculino. Se achar que está apresentando sintomas de baixa testosterona procure um médico urologista.