dia mundial do coração

Dia Mundial do coração

A incidência de doenças cardiovasculares vai aumentando, principalmente entre crianças e jovens, a razão é que a cada dia somos mais obesos e temos doenças crónicas como a Diabetes e a hipertensão, doenças que afetam o coração de não ser controlados.

As doenças do coração ganham 17.1 milhões de vidas, a nível mundial, por isso, este próximo dia 26 de setembro, o dia Mundial do Coração, te convidamos a que fizer consciência da importância de manter controlada a sua Diabetes para evitar uma doença cardiovascular.

Entre os principais fatores de risco para apresentar alguma doença cardiovascular são a tensão arterial alta (hipertensão), níveis elevados do “mau” colesterol (LDL), associado com baixos níveis de colesterol “bom” (HDL), bem como alteração em outro tipo de gordura chamada triglicérides, o excesso de açúcar no sangue (Diabetes), excesso de peso, ou, ainda, apresentar a combinação de dois ou mais desses fatores chamada Síndrome Metabólica, que se apresenta em idades mais jovens.

Pelo exposto, várias associações de saúde no México, com apoio da Federação Mundial do Coração, da Associação brasileira para a Prevenção da Aterosclerose e suas Complicações (AMPAC) e a Associação Nacional de Cardiologistas do México (ANCAM) lançaram a campanha Eu Trabalho com o Coração, com a intenção de que as pessoas reflitam sobre os fatores de risco que levam a sofrer distúrbios cardíacos, já que podem ser evitadas, e se bem que não dão sintomas, com adequada informação médica a população vai aprender que deve consultar o seu médico pelo menos uma vez por ano, e que é responsabilidade de cada um cuidar de si mesmo.

Em conferência de imprensa, o doutor João Calderón Apicultor, presidente da Associação brasileira de Especialistas em Cardiopatias Congênitas (AMECC) disse que são necessárias neste tipo de iniciativas para reverter a problemática atual de saúde “Quando se deve começar a prevenção? a partir de idades tão precoces como no momento da gestação, já que o excesso de peso da mãe aumenta de forma significativa a possibilidade de excesso de peso ao nascimento e de obesidade na idade adulta. Outro fator de predisposição para desenvolver sobrepeso e obesidade é o baixo peso ao nascer”.

Exortou os três níveis de governo, profissionais de saúde, empregadores e o público em geral, para reduzir o impacto e tratar de assegurar-se de que os habitantes do mundo tenham vidas mais longas e melhores, graças a prevenção e controle de doenças cardiovasculares.

Para que você comece você a cuidar do seu coração, as associações que realizam a campanha Eu Trabalho com o Coração estarão realizando na Floresta da Montanha o dia 25 de setembro detecções gratuitas de fatores de risco cardiovascular das 8:00 às 13:00 horas.

E no domingo, dia 26 de setembro para comemorar o dia Mundial do Coração, será realizada a tradicional Caminhada da Saúde do Coração com pacientes cardiópatas no Circuito Inferior da Floresta, da Montanha, das 9:00 às 10:00 horas.

O objetivo deste evento é fomentar a consciência pública para os locais de trabalho e a nível familiar sobre os fatores de risco de doenças cardiovasculares e suas complicações, bem como realizar ações de prevenção, diagnóstico e tratamento que reduzam seu impacto na sociedade.